Sporting conquista importante vitória (3-2)

Imagem completamente editada/manipulada pela autora

Este domingo, jogou-se a última jornada desta primeira volta da Liga NOS, e o Sporting CP foi o primeiro a entrar em ação diante o Sporting de Braga, orientado por Paulo Fonseca.


Jorge Jesus não ultimou mudanças no onze inicial


         Comparando os onze homens que entraram em campo por parte da formação leonina com a última jornada para o campeonato nacional, diante o Vitória de Setúbal no Bonfim, Jorge Jesus não mexeu na sua equipa.
         Paulo Fonseca deixou Hassan no banco, promovendo a titularidade de Rui Fonte na frente de ataque bracarense.

Sporting pressionante; Braga eficaz


         O Sporting de Braga entrou bem no encontro e foi o primeiro emblema a criar as melhores ocasiões para golo, mas não durou muito - o Sporting, pouco a pouco, foi entrando no jogo e controlando o mesmo.
         Numa altura em que o Sporting estava por cima no desafio, o Braga no espaço de cinco minutos, marcou por duas vezes:
         A primeira aos 40 minutos por intermédio de Wilson Eduardo (que não festejou o tento marcado), depois de Baiano ganhar um lance na pequena área adversária e assistir o seu colega de equipa para o primeiro jogo no encontro.
         Entretanto, pouco tempo antes de as equipas recolherem aos balneários para se cumprir tempo de descanso na partida, Rafa - após uma grande jogada protagonizada pela equipa bracarense - não desperdiçou e na cara de Rui Patrício, fez o segundo do Sporting de Braga.

Reação de leão na segunda parte


         Aos 11 minutos da segunda parte, uma grande penalidade (polémica) foi assinalada a favor da formação de Alvalade, depois de o árbitro do encontro - Jorge Sousa -, ter entendido que André Pinto intercetou a bola com a mão na sua grande área: importante referir que minutos depois, ficou uma grande penalidade mais nítida por assinalar a favor do Sporting. Chamado a converter, Adrien Silva reduziu a desvantagem dos leões na partida.
         Fredy Montero, que entrou aos 59 minutos, restabeleceu a igualdade no marcador a 14 minutos dos 90, fuzilando o baliza defendida por Kritsyuk.
         Até que, a um minuto dos 90, Slimani marcou o golo que deu os três pontos à equipa orientada por Jorge Jesus e consequentemente, carimbou a reviravolta da sua equipa no marcador: importante também dizer que minutos antes, Slimani agrediu um adversário (o árbitro assim não entendeu e além de deixar seguir a jogada, não sancionou o jogador).

Mantém-se a diferença de quatro pontos


         Com esta vitória importante alcançada pelo Sporting diante o outro Sporting, o de Braga, os leões mantêm a sua diferença pontual de quatro pontos, comparativamente com segundo e terceiro classificados, somando agora 44 pontos na liderança.
         O Sporting de Braga, por seu turno, encontra-se em quatro lugar com 29 pontos, tendo o seu posto em risco - aproximação do Paços de Ferreira que nesta jornada recebeu e venceu o Vitória de Setúbal por duas bolas a uma, estando apenas a um ponto do quarto posto.


0 comentários:

Enviar um comentário

Parcerias (até ao momento)




Se pretender saber mais sobre a parceria e quiçá, fazer parte, preencha o formulário de contato deste blog, presente no seu lado esquerdo.
Caso não apareça, por favor envie mensagem privada para a página no Facebook.