Nacional x FC Porto poderá ser adiado!

Imagem/montagem completamente editada/manipulada pela autora
Imagem do estádio, retirada do Mapio

O encontro precisou de ser interrompido na segunda parte


         O tempo inconstante que pairou na Madeira (e não só), obrigou a que Jorge Sousa, árbitro da partida, tivesse de parar o jogo duas vezes, uma vez que o nevoeiro não só começou a ameaçar a partida, como chegou mesmo a impedir a visibilidade dentro do terreno de jogo.
         Já se sabia de ante-mão que este domingo esperava-se um agravamento das condições climatéricas.

À terceira foi de vez


         Não estando reunidas as condições necessárias para o espetáculo futebolístico, e depois de já ter interrompido o encontro por duas vezes no espaço de dez minutos, Jorge Sousa aguarda que as condições melhorem, mas está difícil... forte nevoeiro, frio e chuva teimam em não deixar prosseguir o encontro.

A Liga decidiu adiar o encontro para as 12h30 desta segunda-feira.


Esperam-se mais desenvolvimentos e informações sobre o desafio [NOTÍCIA ATUALIZADA ÀS 19h50).




A crónica do encontro 

Depois de uma semana atribulada para a equipa portista, com os adeptos a contestarem a permanência de Julen Lopetegui no comando técnico do clube, o FC Porto deslocou-se até ao arquipélago da Madeira para este domingo jogar a 13.ª jornada, diante o Nacional.

Aboubakar regressou à escolha do técnico espanhol para o onze inicial


         Comparando o onze desta jornada com o da Liga dos Campeões, da passada quarta-feira, Maicon e Imbula saíram do onze, cedendo lugar a Rúben Neves e Aboubakar.
         Rúben Neves não usou a braçadeira de capitão, mas sim Herrera.

Primeira parte brindada com três golos


         Foi preciso aguardar apenas seis minutos para que o FC Porto desfizesse a igualdade a zero assinalada no marcador - na sequência de um canto, Marcano fez o primeiro golo do encontro.
         Na resposta, dois minutos depois e também na cobrança de um canto, o Nacional da Madeira voltou a restabelecer a igualdade no marcador - Willyan aproveitou o atraso de Brahimi para marcar o primeiro da equipa madeirense no desafio.
         Antes do minuto 15 da partida, Brahimi aproveitou o facto de estar solto de marcação na grande área nacionalista, para voltar a colocar os dragões na frente do marcador.


0 comentários:

Enviar um comentário

Parcerias (até ao momento)




Se pretender saber mais sobre a parceria e quiçá, fazer parte, preencha o formulário de contato deste blog, presente no seu lado esquerdo.
Caso não apareça, por favor envie mensagem privada para a página no Facebook.