Benfica passa em Braga e ascende ao terceiro posto


O Benfica deslocou-se até Braga para esta segunda-feira, encerrar a jornada 11 diante o Sporting de Braga, no Estádio Municipal da cidade.

Várias baixas para Rui Vitória


         Sílvio foi baixa para o técnico encarnado, depois de se ter lesionado a meio da semana (André Almeida foi aposta para lateral direito), enquanto Samaris falhou o encontro devido a castigo (5.º cartão amarelo na Liga NOS) - oportunidade para Fejsa, que formou "trio" com Renato Sanches e Pizzi.

         O Sporting de Braga e o Benfica jogaram a meio da semana para as competições europeias e até ao momento, são as únicas equipas portuguesas com presença garantida na próxima fase das competições em que estão inseridas - Liga Europa (16 avos) e Liga dos Campeões (oitavos), respetivamente.

Aos 11 minutos, o Benfica já vencia o Sporting de Braga por duas bolas a zero


         Aos três minutos de jogo, Mitroglou - após bom trabalho dentro da área adversária -, assistiu Pizzi que depois de ultrapassar um adversário, inaugurou o marcador no Estádio Municipal de BragaBoly ajudou "à festa", rematando contra Kristyuk numa tentativa de aliviar a bola para longe da linha de golo.

         A formação orientada por Paulo Fonseca nem acusou o tento sofrido, muito pelo contrário - soube reagir bem ao mesmo... apesar disso, foi o Benfica que alcançou o segundo no desafio: antes de se cumprir o minuto 11, após canto (mal) cobrado por Pizzi, Jardel ganhou a bola nas alturas, assistindo Lisandro López que ajeitou de peito e rematou para o segundo golo do Benfica no encontro.

         O Sporting de Braga - três minutos depois do segundo tento sofrido - por intermédio de Hassan, enviou uma bola ao poste da baliza de Júlio César.
         15 minutos depois, Willy Boly rematou à barra da baliza encarnada, mas sem perigo, uma vez que a bola já tinha adquirido uma trajetória descendente.

Jogo partido na segunda parte, sem golos


         E se na primeira parte, mais precisamente nos primeiros 11 minutos de jogo, pudemos assistir a dois golos, a verdade é que na segunda... nem um. 
         Como se costuma de dizer "não há duas sem três"... e é verdade - principalmente no que diz respeito a bolas enviadas ao ferro da baliza defendida por Júlio César! Aos 68 minutos, na cobrança de um livre, Filipe Augusto rematou direitinho à barra. Foi o terceiro remate ao ferro por parte da equipa da casa.

         Com esta vitória alcançada pelo Benfica diante o Sporting de Braga, a formação chefiada por Rui Vitória ascende até ao terceiro posto da tabela classificativa - com menos um jogo, a equipa do Benfica conta até ao momento, com 21 pontos.
         O Sporting de Braga ocupa agora o quarto posto, com menos um ponto que os encarnados.


0 comentários:

Enviar um comentário

Parcerias (até ao momento)




Se pretender saber mais sobre a parceria e quiçá, fazer parte, preencha o formulário de contato deste blog, presente no seu lado esquerdo.
Caso não apareça, por favor envie mensagem privada para a página no Facebook.